Teratógenos - Causas de Doenças Raras - Síndromes Raras, Definição, Prevalência, Hereditariedade, Fisiopatologia, Causas, Sinais e Sintomas, Diagnóstico, Tratamento, Prevenção - Doenças Raras - Doença Congénita - Doença à Nascença - Malformação Congénita

Qualquer fator ou substância que possa induzir ou incrementar o risco de defeitos congénitos recebe o nome de Teratógeno. A Teratologia é um ramo da ciência que se dedica a estudar minuciosamente as causas de cada evento ocorrido. A radiação e certos fármacos e tóxicos são teratógenos. Diferentes teratógenos podem causar defeitos similares se a exposição aos mesmos teve lugar em determinado momento do desenvolvimento fetal. Por outro lado, a exposição ao mesmo teratógeno em diferentes momentos da gravidez pode produzir diferentes efeitos. Em geral, a grávida deve consultar o seu médico antes de tomar algum medicamento. Deve igualmente evitar fumar ou consumir álcool. Também deve evitar fazer radiografias, a menos que seja absolutamente necessário. Nesse caso, deve dizer ao radiólogo ou ao técnico que está grávida, para que o feto seja protegido ao máximo.

Algumas infecções contraídas durante a gravidez também podem ser teratógenas, especialmente a Rubéola. A mulher que não teve rubéola deve vacinar-se antes de tentar ficar grávida. A mulher grávida que não teve a doença nem se vacinou contra ela deve evitar o contacto com quem possa ter rubéola.
A grávida que foi exposta a um teratógeno pode desejar submeter-se a análises para determinar se o seu feto foi afectado. No entanto, a maioria das mulheres grávidas expostas a estes riscos têm bebés sem anomalias.

Factores Nutricionais

Para manter o feto saudável, não só há que evitar possíveis teratógenos, como também se deve seguir uma dieta nutritiva. Uma das substâncias necessárias para um desenvolvimento apropriado é o fosfato (ácido fólico). Uma quantidade insuficiente do mesmo na dieta aumenta o risco de o bebé sofrer de Espinha Bífida ou outros defeitos do tubo neural. No entanto, como a espinha bífida pode afectar um feto em desenvolvimento antes de a mulher saber que está grávida, as mulheres em idade fértil deveriam consumir pelo menos 400 microgramas de fosfato por dia. Muitos médicos recomendam às grávidas que tomem suplementos vitamínicos em quantidades apropriadas, além de seguirem uma dieta nutritiva.

Herança Multifatorial

Algumas das malformações podem ser detetadas antes do nascimento, uma outra parte passam despercebidas por serem praticamente imperceptíveis. Apesar das causas quase sempre serem os fatores genéticos ou ambientais, separadamente, ainda pode acontecer o que se denomina de herança multifatorial (a combinação e ação dos dois fatores). A maioria das causas é ainda desconhecida, mas a perseverança da herança multifatorial é relevante.

Partilhe este artigo
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

0 comments

 
RSS ArtigosRSS ComentáriosVoltar ao topo
© 2012 As Doenças Raras ∙ Template por BlogThietKe