Tumor Desmóide - Polipose Adenomatosa Familiar - Síndrome Hereditário do Cancro do Cólon

Um Tumor Desmóide é uma neoplasia benigna rara que se carateriza pelo crescimento anormal de células em tecidos conjuntivos (estruturas fasciais ou músculo-aponeuróticas). Estes tecidos são aqueles que ajudam a manter a estrutura do corpo e incluem os tecidos musculares de cobertura, a fáscia, as cartilagens e o tecido adiposo. São frequentemente encontrados nos músculos do ombro ou na parede abdominal, mas também podem ocorrer em outras partes do corpo.

Embora estes tumores tenham uma tendência para invadir tecidos e órgãos, raramente espalham-se (metástases) para partes mais distantes do corpo. Têm uma prevalência estimada de 2 a 5/1.000.000 nascimentos.

Causas

A causa destes tumores ainda não esta completamente esclarecida. Entretanto, aproximadamente 5% dos tumores estão associados com a síntese da síndrome do cancro do cólon hereditário conhecido como Polipose Adenomatosa Familiar.

Sinais e Sintomas

  • Massa crescente ou nódulo (primeiro sinal)
  • Dor local moderada
  • Dormência ou formigueiro local (pode limitar o movimento dos membros).

Diagnóstico

Estes tumores são normalmente diagnosticados por ressonância magnética seguida de uma biopsia à massa ou nódulo.

Tratamento

O tratamento é cirúrgico e tem por objetivo remover tanto tumor quanto possível. Após a cirurgia pode ainda ser realizada radioterapia, quimioterapia ou terapia hormonal, de forma a diminuir a probabilidade de o tumor poder recidivar.

Fontes:


Partilhe este artigo
  • Share to Facebook
  • Share to Twitter
  • Share to Google+
  • Share to Stumble Upon
  • Share to Evernote
  • Share to Blogger
  • Share to Email
  • Share to Yahoo Messenger
  • More...

0 comments

 
RSS ArtigosRSS ComentáriosVoltar ao topo
© 2012 As Doenças Raras ∙ Template por BlogThietKe